sexta-feira, 10 de outubro de 2008

The Smiths “What Difference Does It Make”

De Manchester já tinha nascido uma das mais importantes bandas do Rock Inglês, os Joy Division. Não demorou muito para renascer outra marcante banda (The Smiths).
A banda formou-se em 1982, quando Johnny Marr (John Maher) pediu a Steven Patrick (Morrissey) para escrever letras para as músicas que andava a compor.
A ideia era compor para outras bandas, mas a dada altura resolveram com mais Andy Rourke no baixo e Mike Joyce na bateria, juntarem-se para a banda.
The Smiths, foi o nome que Morrissey escolheu para fugir aos nomes pomposos das bandas da altura, tais como Depeche Mode, Orchestral Manoeuvres in the Dark, Classix Nouveaux e muitos outros.
"Hand In Glove" foi o 1º single da banda e que alcançou algum reconhecimento, mas foi com o 2º single "This Charming Man" que banda teve um verdadeiro sucesso, recebendo críticas muito positivas pela imprensa.
Em 1984 sai o 1º álbum “The Smiths” que alcança o 2º lugar nas tabelas inglesas.
“Meat is Murder” de 1985, foi directamente para o 1º lugar.
Mas foi o 3º álbum “The Queen is Dead” de 1986 que foi considerado a obra-prima dos The Smiths. Foi considerado o melhor álbum de todos os tempos pela NME e Melody Maker. Foi nesta altura que a banda começou a ter alguns problemas de divergências.
Em 1987 ainda lançam “Strangeways, Here We Come”, terem posto de seguida o fim á banda.
Com a dissolução da banda a musica pop nunca mais foi a mesma.
The Smiths ainda tem no reportório uma mão cheia de compilações, que em Novembro repete-se a dose com mais uma compilação de 2 CD’s, com o nome “The Sound of The Smiths” .
Morrissey em 1988 seguiu uma carreira a solo que já conta com 8 álbuns, saindo para o próximo ano o nono, com o nome de Years of Refusal.
Johnny Marr tem participado em vários projectos, tais como os The The, Electronic e agora encontra-se desde 2006 em formação com os Modest Mouse.

Do 1º álbum “The Smiths” deixo o grandioso "What Difference Does It Make"

video

Sem comentários: