segunda-feira, 27 de abril de 2009

Cat Stevens “Teaser and the Firecat”

“Teaser and the Firecat” foi daqueles discos que me acompanhou bastante durante a minha infância. Era um álbum que os meus pais ouviam repetidamente, e claro que eu não podia ficar indiferente. Não quer dizer que seja o melhor de Cat Stevens, “Mona Bone Jakon” e “Tea for the Tillerman” são brilhantes, mas foi para mim o que mais destacou na altura.

Era um álbum absolutamente hipnótico, que me fazia sentir atraído e fixado no ambiente da música, era o disco da minha vida…

É bom imaginar por vezes que estamos num mundo diferente repleto de bons sonhos, num sitio onde estejamos sempre protegidos e criamos as nossas próprias historias, nem que seja por apenas num disco que possamos passar alguns minutos tranquilos.

Cat Stevens tem essa particularidade de transmitir algo positivo e isso reflectiu-se em mim. “The Wind”, “Robylove”, “Morning Has Broken”, “Bitterblue”, “Peace Train” ou “Moonshadow” é uma prova de excelentes músicas que enfeitiça facilmente.

Um disco obrigatoriamente a saborear em momentos tranquilos.

“Teaser and the Firecat” 1971 (Island / A&M)

“Moonshadow” é também uma excelente animação, onde Cat achava com esta música, poderia ajudar as pessoas.

5 comentários:

Luis Baptista disse...

Pena, foi o que veio a seguir...

Gisele disse...

Adorei, lindo mesmo, e a música dispensa comentários, adoro Cat Stevens!
Obrigada Spark :)
bjs Gi

Gisele disse...

...faz muito tempo que não ouvia esta canção e foi tão bom ver isto, vou botar lá num quadradinho do meu blog, espero que não te importes de te copiar hehehehe.
:)
Gi

Spark disse...

Gi estas à vontade...
E obrigado. ;)

Bj

Pois Luis...

Recordo sem duvida a melhor fase dele. ;)

Abraço

roserouge disse...

Oh, baby, baby it's a wild world...quando eu e os meus amigos éramos miúdos e não percebíamos esta parte cantávamos :"oh, baby, baby é só água..."