quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Sandokan de Hugo Pratt

Finalmente já está disponível a versão Sandokan, Le Tigre de Malaise, por Hugo Pratt.
Como aqui já tinha referido antes, Hugo Pratt elaborou algumas pranchas sobre a personagem Sandokan, mas que praticamente foram postas de lado nos finais dos anos 60, derivado ao sucesso das aventuras de Corto Maltese.

Sandokan (Tigre da Malásia) foi a mítica personagem criada pelo escritor italiano Emilio Salgari (1862-1911).

Assim Alfredo Castelli, o responsável da descoberta das pranchas, resolveu agora publicar esta relíquia quase 40 anos depois.
Após a publicação em Itália, foi agora editado em França pela Casterman.
O texto ficou a cargo de Milo Milani.

Já podem então encontrar esta excelente obra nas livrarias, mas disponível apenas na versão francesa, pela editora Casterman. Não se sabe ainda se haverá edição em português.

“A história é situada em 1849 no mar da Malásia, a algumas milhas da costa ocidental do Bornéu. Na ilha selvagem de Mompracem assolada pela tempestade, encontra-se uma inquietante personagem: o príncipe malaio Sandokan, um temido pirata que os ingleses pretendem capturar e que é conhecido por Tigre da Malásia. Uma personagem central é o aventureiro português Eanes, leal amigo de Sandokan. É ele quem fala ao pirata sobre uma jovem esplêndida com cabelos de ouro que mora em Labuan e cuja reputação de beleza se expandiu por toda a região.Galvanizado pela descrição do seu amigo, Sandokan decide fazer-se ao mar rumo a Labuan, para contemplar com os próprios olhos a bela e misteriosa jovem - Lady Mariana - e para se vingar dos ingleses que assassinaram a sua família.”

Hugo Pratt nasceu em Rimini, Itália, em Junho de 1927 e morreu em Grandvaux, Suíça em Agosto de 1995.
Corto Maltese é a obra mais conhecida de Pratt, onde foi publicada pela primeira vez em 1967, na revista Sgt. Kirk.

Podem encontrar o livro na Fnac por 18,72€.

Nota: Peço desculpa ao meu irmão que me ofereceu o livro, mas tive que vasculhar o preço.

5 comentários:

joaninha versus escaravelho disse...

A elegância destes desenhos é inconfundível...
Um dos meus desenhadores favoritos!
:)

paletadesonhos disse...

faz parte dos meus sonhos de criança ... sorri logo que vi o titulo... ela desperta-me a aventura e o romance, momentos de vida que precisamos ter sempre presentes ...
os traços da banda desenhada que aqui apresentas , sem colorido, parecem fluídos
:-)

Luis Baptista disse...

Muito bom, grande Sandokan...

Anónimo disse...

Sem dúvida a n perder!

(PS. eu se fosse teu irmão levava muito a mal!!!! LOL)

Spark disse...

Antes de ele me oferecer o livro, já tinha visto o preço. He, He.

;)