sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Stan Laurel “Just Rambling Along” (1918)

Just Rambling Along” de 1918, é das primeiras e das mais antigas curtas-metragens interpretadas por Stan Laurel ainda sem Oliver Hardy. Foi também o primeiro projecto que faz com o produtor e realizador Hal Roach.

A história é baseada num pobre homem (Stan Laurel) que segue uma bela rapariga (Clarine Seymour) até a um restaurante para desfrutar com ela uma boa refeição, mas depara-se com o problema de não ter qualquer tostão.


3 comentários:

Ana Pena disse...

Muito engraçado:) fazem falta momentos de humor como estes no cinema, hoje em dia!

Spark disse...

É por esses momentos que ainda continuo a gostar tanto destes clássicos. :)

Sirigaita disse...

O humor sofreu muitas transformações!Mas tb gosto de ver este genero de humor..Apesar de odiar ouvir aqueles risos enlatados de fundo quando aparece uma cena cómica!é que normalmente todas as pessoas que se estão a rir já estão mortas..bem ok este é um pensamento macabro!LOL

vamos la ver a curta e esquecer os risos congelados.. ;)