quarta-feira, 28 de abril de 2010

"Smolik" de Cristiano Mourato no Festival Animafest Zagreb

Considerado o 2º festival de animação mais antigo da Europa, 20º World Festival of Animated FilmAnimafest Zagreb – seleccionou a curta “Smolik” do jovem português Cristiano Mourato, para integrar a secção Student Competition. A capital croata foi escolhida para sediar o festival entre os dias 1 e 6 de Junho.

Natural de Lisboa, Cristiano Mourato nasceu em 1986 e enveredou pela animação, depois de ter assistido ao filme de José Miguel Ribeiro – “A Suspeita”. Começou os seus estudos na área do cinema de animação nos cursos do CITEN – Fundação Calouste Gulbenkian no ano de 2004. “Yulunga” é uma das suas obras mais conhecidas, que já lhe valeu participações em diversos festivais por todo o mundo e alguns prémios. Baseou-se no tema dos Dead Can Dance, para trabalhar nessa curta. Com Smolik”, decidiu trabalhar com o compositor Fernando Mota - “O resultado não poderia ter sido melhor. Para além do projecto ter ganho dimensão, foi uma experiência muito boa. Sinto-me privilegiado. Ele é um grande profissional” – referiu Cristiano.Smolik" no Festival Mostra em 2009, arrecadou o prémio de filme de animação português - “A participação, e a consequente vitória na categoria de melhor filme português de estudantes no festival Mostra ainda hoje tem repercussões pois o festival tem muita visibilidade a nível nacional e internacional” - e ainda foi vencedor de melhor jovem criador no Festival Ovarvídeo de 2009.
Sobre a animação nacional, Cristiano ainda disse - “Portugal tem talento e já deu provas que consegue estar no palmarés internacional no que toca a curtas-metragens, mas no que diz respeito a séries ou outro tipo de produção industrial, as coisas não são tão agradáveis. Precisamos fundamentalmente de visibilidade nos mercados internacionais. Precisamos de mais apoios, especialmente do Estado. Mas existe outro problema que penso ser fundamental. Portugal precisa de formação de qualidade”.

Deixo aqui a curta nomeada – “Smolik” – para o Festival Animafest Zagreb.



(Podem também encontrar este artigo no Marsupial Nº 1)

8 comentários:

Tulipa disse...

Parece que em Portugal temos artistas de qualidade, pena serem reconhecidos lá fora e por aqui serem esquecidos...kiss

Spark disse...

Eu tento aqui destacar muito a animação portuguesa, porque é sem dúvida merecedora disso. Há que incentivar que somos um país com grandes talentos.

;)

elsafer disse...

simples comunicar ... contar uma história com uns traços , uns rascunhos

Manuela Coelho disse...

Isto é poesia...

analima disse...

A simplicidade e a excelência. (E a banda sonora é também muito boa).

liliana_lourenco disse...

Gostei muito. A animação está linda e a música encaixa na perfeição. Muito bom. **

Manuela Araújo disse...

Olá
Muito gira a animação. Publiquei no mural (do Facebook) da minha filha que está a fazer mestrado em Animação.
Vejo que a minha terra (Vila Nova de Famalicão) aprece mais do que uma vez na agenda ali ao lado :)

Spark disse...

:)

Manuela inda bem que gostaste da animação.

Por acaso Vila Nova de Famalicão aparece 3 vezes e bem que gostava de lá ir ver Gary Numan. Vamos ver se consigo. :)

BJ